quarta-feira, abril 16, 2008

Evangélicos dizem "não" ao combate contra a homofobia

Projeto de combate a homofobia foi derrubado pela bancada evangélica na camara de vereadores do Municipio de Rio Branco. Este projeto foi apresentado pela Vereadora Ariane Cadaxo.

Até quando a sociedade irá ficar calada diante dessas atrocidades políticas?
"Vereadores evangélicos que votaram contra o projeto que criava do Dia Municipal contra a Homofobia, de autoria da vereadora Ariane Cadaxo (PC do B), podem não ter garantido a reeleição, mas estão certos de que ficaram mais perto do céu. É o que pensam."

"Um dos argumentos utilizados pelo vereador Rodrigo Pinto (PMDB) para não votar a favor do projeto de Ariane Cadaxo foi que 17 de maio é a data em que seu pai, o governador Edmundo Pinto, foi assassinado no Hotel Della Volpe Garden, em São Paulo. Pinto deve está no céu. Os evangélicos ainda batalham para chegar lá. Mas querem, primeiramente, garantir o paraíso que os mandatos lhes conferem."
Escreveu Leonildo Rosas em sua coluna no Jornal Página 20.

Enquanto isso crimes como esse aqui vão ficando impunes.

Mais informações sobre a homofobia.

E aí qual a sua opinião? Manifeste-se!

4 comentários:

  1. hhahaha eu ja ia postar sobre isso!
    Só digo uma coisa.......
    ..........evangelico de cú é rôla!

    ResponderExcluir
  2. Se na base de uma religião não estão o respeito, a tolerância, o amor incondicional... então, o que resta???
    Como estamos tratando de uma religião que 'engorda' cada dia mais o seu número de adeptos, penso que devemos nos preocupar.

    ResponderExcluir
  3. Em ano de eleição foi um tiro no próprio pé dos políticos que votaram contra. Para os políticos que votaram a favor, um assunto bom para explorar e tirar uns votos dos preconceituosos.
    Queria ver o dia que o respeito não tivesse interesse. Mas também fico puto com essas idéias evangélicas, nem quero entrar na questão, senão o respeito que tanto quero, vai faltar a mim mesmo

    ResponderExcluir
  4. Renato Piauhy8:34 AM

    bom, sempre que vejo as notícias do blog, fico interessado em ver mais e mais. Todos os comentários, até agora, foram feitos com ética e expressando, realmente, a sua opinião sem usar palvras de baixo escalão.

    Acredito que, uma opinião sensata não se valeria de certas expressões que fogem da linguagem estabelecida.

    Questão de religião não é questionada nem em tribunal, temos a garantia de acreditar no que quisermoss, seja o que for.

    Sou contra o homosexualismo, mas não quer dizer que não terei respeito pela pessoa que o pratica. As pessoas, ás vezes, confundem muito isso. Tenho que admitir que existe sim pesssoas evangélicas que são, ao extremo, homofóbicas. Sou evangélico, mas não estou defendendo a minha religião, como disse, temos a garantia de acreditar no que quisermos. Mas, sejamos sensatos, não podemos generalizar de tal modo o que não é de nosso agrado!

    um abraço a todos e espero mais matérias com debates PROVEITOSOS, como sempre há aqui neste blog!

    falows!

    ResponderExcluir