quarta-feira, julho 25, 2007

Prêmio SESC de LITERATURA

O prêmio de Literatura do SESC 2007 tem o objetivo premiar textos inéditos, escritos em língua portuguesa, por autores brasileiros ou estrageiros residentes no Brasil, nas categorias literárias CONTO e ROMANCE.
As inscrições são gratuitas e devem ser encaminhadas até o dia 31.10.2007 para:

Serviço Social do Comércio
Av. Brasil, 713 - centro
Rio Branco - Acre
Cep. 69.900-100

Maiores informações: Fone: (68) 3211-3050



Cine Clube Aquiry apresenta Vinicius

Você está convidado para assistir ao filme VINICIUS, sobre a vida e a carreira do cantor e compositor Vinícius de Moraes. Vinicius, do diretor Miguel Faria Jr., ganhou, como Melhor Documentário e Melhor Trilha Sonora, o Grande Prêmio Cinema Brasil; como Melhor Documentário o Prêmio ACIE de Cinema e o Prêmio Contigo! de Cinema. O filme tem no elenco Camila Morgado, Ricardo Blat, Adriana Calcanhoto, Olívia Byington, Mônica Salmaso, Zeca Pagodinho, Gilberto Gil, Maria Bethânia e Caetano Veloso.

Após a exibição haverá debate sobre o filme com o professor da Oficina de Linguagem Cinematográfica e Coordenador do Núcleo de Produção Digital Maurice Capovilla.

O CINE CLUBE AQUIRY tem sessões todas as sextas-feiras, às 19 horas, e exibiu nas últimas semanas: Quanto Vale ou é por Quilo?, Brasília 18%, Nelson Freire, Iracema, Cidadão Kane, Memória para uso Diário, Canta Maria, Harmada sempre debatidos por cineastas, muitos deles envolvidos na criação do filme.

O quê: Vinicius (Filme documentário)
Quando: 27/07 (sexta-feira), 19h
Local: Usina de Arte João Donato (Av. das Acácias – n° 1, Distrito Industrial)

Realização:
Núcleo de Produção Digital/Usina de Arte João Donato/SEE/FEM/Governo do Estado do Acre

segunda-feira, julho 23, 2007

FESTIVAL CASARÃO - RO

Cronograma CASARÃO ANO VIII Seminário de Rock, Cultura e História de Rondônia.

Dia 26 de julho - Tarde
Local: FIMCA - Faculdades Integradas Aparício Carvalho

14:00 - Abertura dos Trabalhos
- Autoridades (Prefeito, Julio Yriarte, Daniel Zen (Presidente da Fundação de Cultura do Estado do Acre))

15:00 – Debate sobre a cena musical Rondoniense
- Rafael Altomar (Beradeiros)
- Flávio Bruno (FanROck)
- Nettu Regert (Vilhena)
- Janor Ferreira (SucodinoiS)

16:00 – Debate sobre a cena musical do Norte
- Daniel Zen (Fundação Elias Mansur - AC)
- Paulo Lins (Tum Tum Music – AM)
- Wander Longhi (Esboço de Nada – RR)
- Vinicius Lemos (FanROck – RO)

Dia 27 de julho – Tarde

14:00 – Debate sobre Imprensa e a cena musical
- Tiago (Revista Outra Coisa – RJ)
- Leandro Carbonato (Trama Virtual – SP)
- Eduardo Mesquita (Dynamite – SP/GO)

17:00 – Palestra sobre a História do Casarão
- Nome a ser definido

17:30 – Debate sobre Política Publica e o Rock
- Yanã Bhertoldo (Espaço Cubo – MT)

Encerramento dos Trabalhos

Programação do Festival Casarão

Casarão Ano VIII.
Dia 26, 27 e 29 de julho.

Quando? Dia 26 de JULHO (Quinta)
Local? Bigs Whiskeria

01:00 Claudia’S Parachute (MT)
http://www.myspace.com/claudiasparachute

00:00 Ultimato (RO)
http://www.fotolog.net/ultimato

23:00 FILOMEDUSA (AC)
http://www.myspace.com/filomedusa

22:00 Bicho du Lodo (RO)

Ingressos
15,00 inteira
7,50 meia

Dia 27 de julho (Sexta)
CASARÃO ANO VIII

02:10 Matanza (RJ)
http://www.myspace.com/matanzacountrycore

01:35 Sedna (RO)
http://www.myspace.com/sednarock

00:55 Ecos Falsos (SP)
http://www.myspace.com/ecosfalsos

00:20 Recato (RO)
http://www.myspace.com/recato

23:45 Esboço de Nada (RR)
http://www.tramavirtual.com.br/esboco_de_nada

23:10 Rádio Ao Vivo (RO)
http://tramavirtual.uol.com.br/artista.jsp?id=34104

22:35 Tetris (AM)
http://thetetris.rockparty.at/

22:00 A Fábrica (RO)


Ingressos
35,00 antecipados
OPEN BAR até as 6:00 da manhã
Cerveja – Refri – Água – Hi-fi – Vinho – Cuba – Martini - Gustapira

+ Tenda ECO VIBE - Programação de Djs a ser confirmada.
+ Praça de Alimentação + Feira de Cd’s das bandas.

Dia 29 de julho (Domingo)
RESSACA DO CASARÃO
Bigs Whiskeria
00:00 Banda Surpresa

23:00 Mr. Jungle (RR)
http://www.myspace.com/mrjunglerr

22:00 SucodinoiS (RO)
http://www.orkut.com/Community.aspx?cmm=29461445

21:00 Aliases (AM)
http://www.fotolog.com/banda_aliases

20:00 Miss Jane (RO)

19:00 Enmou (Vilhena – RO)
http://www.myspace.com/enmouhc

18:00 Ferrovia (RO)
Ingressos
15,00 inteira
7,50 meia

sexta-feira, julho 20, 2007

Los porongas - Ao Vivo Itaú Cultural

O Ao Vivo Itaú Cultural apresenta o grupo Los Porongas - sex 20 a dom 22 jul 2007 SP. Há tá bom, tá bom, todo mundo já sabia, mais...
A dica:
Assista, no site, à transmissão ao vivo do show da banda acreana. Sábado, dia 21, a partir das 19h30 (horário Brasília)


Falando em Itaú Cultural foram prorrogadas as inscrições do Rumos Música 2007-2009 até 31 de agosto, rapaziada não custa nada, as inscrições são gratuitas, então vamos lá!

A voz que emociona.

Tempo Perdido



A participação emocionante de Aarão Prado - Camundogs no show Los Porongas com Dado Vila Lobos.

Mais uma vez agradecer a Kaline por ter upado diversos videos da cena musical acreana para o youtube.

Outros Olhares

Dica Cultural

Hoje, no Museu da Borracha será a vernissage de uma exposição coletiva de cinco artistas plásticos. São eles: Italo Cristofer, Marcelo Zuza, Thays, Moisés e Vigilia.

A exposição propõe através do título "Outros olhares" uma nova percepção de mundo e uma nova forma de interação que esse nosso (tão particular) mundo amazônico. Vale a pena conferir de perto.

Serviço.
O que? Exposição "Outros olhares".
Onde? Museu da Borracha
Quando? Hoje, às 19h.
Porque vale a pena ir? Os artistas plásticos estarão por lá para um livre bate papo sobre suas obras.




Convite

Rumos Itaú Cultural Artes Visuais.

O Itaú Cultural, com o objetivo de contribuir para a formação de profissionais, promove, nos dias 10, 11 e 13 de agosto no Theatro Hélio Mello em Rio Branco, o curso de História da Arte, que aborda desde o movimento neoclássico até a arte contemporânea. A ação faz parte do programa Rumos Itaú Cultural Artes Visuais.

O evento conta com as participações de Regina Teixeira de Barros, Maria de Fátima Morethy Couto e Milton Machado.

Local: Theatro Hélio Mello (avenida Getúlio Vargas, s/n). As inscrições podem ser feitas até 3 de agosto na Fundação Elias Mansur, das 9h às 12h e das 14h às 17h. Telefone de contato: (63) 3223 9688, no DARTES.

Artistas Visuais por favor compareçam!

quinta-feira, julho 19, 2007

Independente de qualquer coisa.

Pois bem, depois de muito pensar sobre o Grito Acreano como veiculo de comunicação da produção de conteúdo da cena cultural independente do Acre. Resolvi criar a sua identidade visual, afinal, esse blog apesar de ênfase a música autoral não deixa de mostrar outras trabalhos da cultura alternativa produzida no nosso estado.

Pra quem não sabe, o surgimento desse blog foi devido ao Festival Grito Rock que agitou mais de 20 cidades brasileiras. Aqui no Acre, criamos esse blog para divulgar o evento, mas, aí as coisas foram crescendo e a empolgação por escrever sobre música ultrapassou o limite e decidimos escrever sobre todos os eventos realizados que envolvesse a cena alternativa.

Eis que chegamos aonde nós estamos, com post (quase) diários, um bom acervo multimídia, 7 colaboradores que integram setores diferenciados do movimento cultural e que aqui somamos nossas forças, ou seria melhor dizer "palavras" . O Grito Acreano em seus 5 meses de vida conseguiu reunir mais de 1.000 visitantes nesse periodo. E isso é duca.



Em virtude desses acontecimentos, estou mostrando a vocês o novo visual do blog, com direito a uma nova marca e um novo slogan. Quem não gostar, por favor me diga onde posso melhorar, ao invés de ficar apenas criticando.

E agora fico a pensar se vale a pena mandarmos fazer camisetas? Comentem, principalmente os colaboradores.

quarta-feira, julho 18, 2007

Tardes da Aldeia na Semana do Rock



Continuando a série de entrevistas na Semana do Rock, a banda da vez é a Blush Azul.




Entrevista gravada no dia 11.07.07 no Tardes da Aldeia programa da ALDEIA FM, emissora do Sistema Publico de Comunicação, que vai ao ar de segunda a sábado às 16:00 até 19:00h(horário Brasilia). http://www.ac.gov.br/aldeiafm
Na foto, Irlla e Vitor batendo um papo com Aarão Prado. Foto: Luciano Pontes

As imagens falam por si só

Show de Los Porongas com participação de Dado Vilalobos.



Valeu, Kaline! (batera da Blush Azul)

terça-feira, julho 17, 2007

FORA DO EIXO - Aldeia FM

Programa de estréia do Fora do Eixo.
O programa é apresentado por Aarão Prado e Daniel Zen é exibido todas às quartas-feiras a partir das 22:00h (00:00h de quinta feira - horário Brasília) na Aldeia FM emissora do Sistema Publico de Comunicação – Governo do Estado do Acre. Como o próprio nome sugere, rola tudo de bom que a cena independente tá produzindo. Aarão Prado é musico compositor, vocalista da Camundogs e Daniel Zen, músico, contra baixista da Filomedusa e presidente da Fundação de Cultura Elias Mansour (Governo do Estado do Acre). É um espaço massa, conquistado com qualidade, organização e coletividade.Vale muito mesmo ouvir!






Fora do Eixo, todas às 4ª Feiras
Na Aldeia FM
22:00h (00:00 de 5ª Feira horário Brasília)
www.ac.gov.br/aldeiafm

segunda-feira, julho 16, 2007

Santo de casa faz milagre sim!

O encerramento da semana do Rock realmente fechou com chave de ouro.
Na sexta-feira, várias bandas (maioria de Heavy Metal), abalaram as fundações do Juventus. De Blush Azul (foto - Vitor, guitarrista), passando por Filomedusa, à indie-rock psicodélica Nicles até, as já tradicionais, Fire Angel, Silver Cry, Dream Healer e outras mais. Apesar de alguns contratempos e a ausência do tão esperado Mário Linhares, a produção do evento fez tudo certinho e o Intermunicipal Rock ficou com muito saldo positivo.
Na opção alternativa, o "Rock das Aranhas" que a Giselle já comentou aqui. Blues, blues e mais blues...

Sábado pela manhã, uma mesa-redonda rodeada de cultura e informação muito relevante. Um personagem que saiu do independente (como todo o começo de qualquer banda) e foi até o estrelato máximo (talvez o maior de uma banda de rock brasileira), Dado Villa-Lobos. Outro que movimenta a cena independente como ninguém, um cara extremamente visionário e produtivo, do cenário cuiabano, Pablo Capilé. Um escritor, contador de histórias e produtor de conteúdo antes mesmo que se tivesse a idéia de "conteúdo", Alex Antunes. E um acreano tão visionário e engajado como o Capilé, Diogo Soares.
O debate foi regado a experiências culturais produtivas, com conceitos tantas vezes já explanados e necessários e uma possível previsão do "novo rumo" da música independente.
O debate possibilitou uma aproximação do público ao que anda acontecendo com a cena. Uma tentativa de aumentar a intimidade do "produto" com o "consumidor". E como cada um pode fazer sua parte.
"O discurso não é 'Caminhando e cantando e seguindo a canção', é 'Caminhando e cantando e carregando caixa'", disse Pablo Capilé numa alusão que cada um deve fazer sua parte, seja ela qual for. Já conseguimos romper a barreira da comunicação com a tão citada Internet. Precisamos tirar o discurso "Do it yourself" da teoria e colocar em prática.
O Acre foi citado como exemplo, motivo de orgulho, só não podemos nos acomodar para continuar a sermos citados como exemplo. Se pode se construir e consolidar uma cena alternativa no Acre, onde que não se pode? Não é desmerecer o Acre, é relevar as dificuldades geográficas e diferenças econômicas de outros centros.

Saindo da esfera política e voltando pra cultural, o show de encerramento na Concha Acústica foi simplesmente fantástico.
Nicles começa a progamação por volta das 7:30 e, como sempre, faz aquele show que se presta mais atenção do que se dança, curte, etc.
Camundogs segue a progamação apresentando o repertório do CD que está prestes a ser lançado. Músicas lentas e pesadas. Como assim? É assim mesmo. Sem muita velocidade e com um peso impressionante. Ponto alto do show: "Surreal" com a participação da Carol Freitas (Filomedusa).
Show mais esperado da noite, Los Porongas sobe no palco e começa a matar a saudade dos acreanos (frase ambígua mesmo). Com os primeiros acordes de "Lego de Palavras" o público já fez uma viagem temporal lembrando dos shows no palquinho do DCE, as apresentações no Ecos da Tribo, no Galpão das Artes e o último show, o show da despedida, no Teatrão. O lançamento do cd agregou um público antes ausente. O cd não só mostrou o Los Porongas ao Brasil, mostrou também ao resto do Acre.
Repetindo o primeiro show em São Paulo, Dado Villa-Lobos fez uma participação mais do que especial. Reviveu momentos da maior banda de rock e tocou as músicas dos Porongas. "Eu Sei" cantando por quase todo mundo. De arrepiar. O show foi extremamente emocionante para aqueles já carentes por saudades de shows dos Porongas e ainda mais emocionante pros fãs de Legião Urbana. Momento inesquecível para o público e para a banda. Não sei se Los Porongas já fizeram show pra mais gente, mas duvido muito algum público com tanta intensidade como o de ontem. "Subvertigem", "Ao Cruzeiro", "Tempo Perdido", "Mais do Mesmo", "Nada além", entre outras, nos levaram a uma viagem musical. Uma viagem onde se acredita que uma banda, de amigos nossos, de acreanos, é A melhor banda do atual rock brasileiro", como disse o Finatti. "Não há" pra quebrar tudo e fechar o show. Voltam pra São Paulo deixando muito saudades e uma enorme expectativa pro Varadouro. Porque santo de casa faz milagre sim!

A Semana do Rock deixou bem claro que o Acre está engajado e muito compromissado com esse movimento. Em um estado onde o Secretário de Cultura vira fã como qualquer um e pula na frente do palco entoando as músicas cantadas, não se podia esperar outra coisa.

Agradecimentos a Ana helena, Thays e Thalyta França por ter cedido gentilmente as fotos para esta matéria.

domingo, julho 15, 2007

Rock das Aranhas

No outro lado da cidade, onde os mortos acordam... *

Enquanto o indie, o grunge, o psicodélico, trash, heavy e várias outras vertentes do metal e do rock tremiam o palco do Clube do Juventus em comemoração ao dia mundial do rock, lá no outro lado da cidade, num palquinho construído com uma espécie de tatame, acontecia o que eu intitulei de “rock das aranhas”.

O evento tinha outro nome - eu não lembro qual -, mas o fato era que Daniel Cabral, Jossan, Miquéias, Miúda, Ronnie, João Paulo, Denílson foram algumas das ‘figuras’ que revezaram os instrumentos num show que tirou teias “roquenras” não só do Galpão das Artes, mas como também da vista daqueles que há muito tempo não viam estes músicos em ação. A limpeza foi regada a Raul Seixas, Mamelucos, Mapinguari Blues e muito, muito, muito blues!

E neste domingo, é a vez de Camundogs, Nicles, Los Porongas e Dado Villa Lobos tirarem as teias da Concha Acústica!
A gente se vê lá!

*Um trechinho de Baixaria Blues (Diogo e Saulinho)

sexta-feira, julho 13, 2007

Tardes da Aldeia e Semana do Rock

Esta semana nós aqui da Radio Aldeia FM, recebemos grandes caras pra falar sobre música. Foi massa, valeu muito a pena e pra você que não teve a oportunidade tai, aproveite... Esse post não é pra lê e sim pra ouvir!!!!(rsrsrsr)

Aarão Prado em conversa com os musicos Diogo Soares e João Eduardo dos Los Porongas e o Jornalista Alex Antunes.



Entrevista gravada no dia 12.07.07 no Tardes da Aldeia programa da ALDEIA FM, emissora do Sistema Publico de Comunicação, que vai ao ar de segunda a sábado às 16:00 até 19:00h(horário Brasilia). http://www.ac.gov.br/aldeiafm

Semana do Rock

Exibição de filme, lançamento de livro, debates e muita música

Hoje, em diversas partes do mundo, milhões de fãs aproveitam o dia para reverenciar seus maiores ídolos. O motivo é que, no dia 13 de julho, é comemorado o dia mundial do Rock. No circuito de Rio Branco, shows, debates, exibição de filmes até lançamento de livro dividem os roqueiros durante a programação que teve início na terça-feira e acaba só no domingo.

Para dar início à comemoração, foi realizado o Tributo aos Dinossauros do Rock Acreano, no Clube do Juventus. Lá, roqueiros das décadas de 70 e 80 se reuniram com as gerações mais atuais a fim de curtir um som sem pré-conceito de estilo e idade. No palco, as bandas de Heavy Metal Silver Cry, Dream Healer e Fire Angel saudaram os dinossauros do grupo Capu, Helloy de Castro e Pia Villa, estes dois últimos se apresentaram em seguida, provando que o rock não tem época para acontecer.

Na quarta-feira, a temática entrou para a telona. No Theatro Hélio Melo, o projeto Circuito Documentário ingressou no clima da semana e exibiu o filme “Botinada – A Origem do Punk do Brasil”, que em seguida foi debatido com o historiador Wlisses James.

A opção de quinta-feira, ficou por conta do projeto “Sempre Um Papo”, que convidou os roqueiros para um bate-papo com o jornalista e produtor musical Alex Antunes, sobre o livro “A Estratégia de Lilith”, também no Theatro Hélio Melo. O livro miscigena a reportagem e a ficção pop, descortina universos urbanos do sexo, do transe e da magia. Além de músico, compositor e produtor, o autor dirigiu a revista Bizz, escreveu para cadernos de cultura da Folha de São Paulo, O Estado, Veja, entre outros.

Na sexta-feira (13), onze bandas se reúnem no Clube do Juventus para saudar as mais diversas manifestações de rock em show que começa a partir das 17h30. (A entrada é gratuita). Soldier, Fire Angel, Blush Azul, Metal Live, Nova Banda, Escalpo, Nicles, Dream Healer, Silver Cry e Filomedusa prometem um grande show em homenagem ao rock´n´roll. A noite conta ainda com a participação especial de Mário Linhares, ex-Dark Avenger e atual vocalista da banda Harllequin (DF).

No sábado, “Retrato do Rock e Pop no Novo Milênio” é tema de mesa redonda com Dado Villa Lobos (RJ), Pablo Capilé (MT), Mário Linhares (DF) e Diogo Soares (AC), no Theatro Hélio Melo, às 10horas. Para o encerramento, Nicles, Camundogs, Los Porongas e Dado Villa Lobos (ex – Legião Urbana) fazem show domingo, na Concha Acústica, a partir das 19h30.

A Semana do Rock é uma parceria entre Governo do Estado, via Fundação Elias Mansour, Prefeitura de Rio Branco, por meio da Fundação Garibaldi Brasil, Associação de Músicos e Produtores do Acre – Amupac e Projeto Sempre Um Papo.

Conheça um pouco sobre as bandas que se apresentam nesta sexta-feira (não está na ordem de show)

Fire Angel: Experiência de mais de 50 shows dentro e fora do Estado. Respeitada por executar seu trabalho com competência e dedicação. Oito anos de existência. João Neto (vocalista). Adão Ribeiro e Paulo Henrique (guitarras), Fábio Lima (baixo) e James Emerson (bateria) são os integrantes da banda de Heavy Metal Melódico.

Metal Live: Criada no ano de 2000, é formada por Renato Bizerra (vocal), Lucas Mortari (guitarra), Edílson (baixo) e Giovanni Esdros (bateria). Segundo os integrantes, o estilo do grupo é um Rock´n´roll Progessivo Pesado.

Filomedusa: Formada há dez meses, por Carol Freitas (vocal), Saulo Machado, mais conhecido como Saulinho (guitarra), Thiago Melo (bateria) e Daniel Zen (contrabaixo). O quarteto investe em musicas autorais com influências que vão de Ray Charles e Los Porongas. Atualmente, o grupo se prepara para show em Porto Velho (RO), durante o festival "O Casarão".

Nova Banda: Na ativa desde 1997, é cristã e se caracteriza por executar um Heavy Metal Tradicional com influências de HardCore. Nonato Muniz (vocal), Lucas Lee e Salomão (guitarras), Júnio Antunes (baixo) e Ana Paula (bateria) são os integrantes.

Nicles: Com seis anos de existência, a banda se caracteriza pelo estilo indie rock psicodélico, uma mistura de grunge, alternativo, punk rock. Kilrio Farias (vocal), Wesley Moura (guitarra), Fred Margarido (teclados), André Bandeira (baixo) e Johnny Ratts (bateria), são os músicos da banda que acabou de voltar de shows em Palmas e Goiania.

Dream Healer: Respeitada pelo trabalho, história e produções. Neste ano, a banda completa dez anos e inicia investimentos para a gravação de um DVD. O Heavy Metal Tradicional é o estilo que rege a banda composta por Igor Alves (bateria), Carolino (vocal), Rarisson e Beto (guitarras) e Roberto Bala (baixo).


Blush Azul: Formada por Irlla Narel (vocal), Kaline Rossi (bateria), Victor Melo (guitarra) e Giselle Lucena (baixo), a banda define seu estilo simplesmente como alternativo, com a proposta de investir no trabalho autoral e na integração entre meninos e meninas por meio do rock.

Soldier: Com nove anos de existência, é uma banda cristã com o propósito de executar o Heavy Metal Tradicional, com influências Power e Trash, levando na música suas considerações religiosas. Thiago Nicheli e Júnior Jansen (guitarras), Lauro César (vocal) e Jorge Jardim, o Jorginho (batera) são os músicos que a compõem.

Escalpo: É a antiga Matéria Fecal, formada há quase sete anos. O estilo vagueia nas diversidades do punk e trash, onde o som pesado manifesta idéias políticas e sociais. A banda é formada por Moisés Lima (Mosa – vocal), Frank Braga (bateria), Erivaldo Cleney (baixo), Jardel Costa (guitarra).

Silver Cry: É a banda dos metaleiros mais jovens e nem por isso menos respeitada. Roberto Bala (bateria), Carolino (vocal), Ricardinho (baixo) e Isnard Henry (guitarra) são os rapazes que se popularizaram no meio fazendo covers de Iron Maiden e Grave Digger. Hoje, com seis anos de banda, a proposta principal é investir no trabalho autoral dentro do Heavy Metal Tradicional.

E vamos celebrar o rock´n´roll acreano!

quinta-feira, julho 12, 2007

CD - Los Porongas

Los Porongas (LOS PORONGAS)
Senhor F.

“Este CD mostra uma banda anos-luz à frente da mediocridade intelectual reinante hoje no pop e em boa parte do rock brasileiro. Em todas as faixas, o que sobressai, novamente, é o poder de um grupo que encanta o ouvinte pela sua musicalidade estóica e pela imensurável beleza plástica e poética das letras escritas pelo vocalista Diogo. É certo que a produção do guitarrista da Plebe Rude tornou o som do grupo mais rocker, encorpado e menos próximo da mpb. Mas, por outro lado, a docilidade harmônica e a melodia pop de uma canção como "Lego de palavras", poderia levá-la fácil à execução maciça em FMs menos burras, ainda que a faixa possua uma letra um tanto "difícil" para a compreensão do ouvinte médio. Pode-se dizer o mesmo de "Espelho de Narciso", "Enquanto uns dormem" ou "O escudo", todas músicas que soterram a indigência criativa que graça na cultura de massa brasileira. Quando se escuta um disco como esse, percebe-se o quanto de LIXO musical o mainstream entupiu o cérebro amortecido do brasileiro nos últimos anos.”

Humberto Finatti
(Edição 92 da Revista Dynamite OnLine)

terça-feira, julho 10, 2007

E aí vamos ao Teatro, hoje?

Terça Feira, 10 de julho no Teatro Hélio Melo às 20h.


Palco Giratório apresenta: “O incrível ladrão de calcinhas”
, Grupo Trip Teatro de animação, de Santa Catarina. A peça conta à história da Srtª. Velda, que tem sua ‘peça intima’ roubada, e procura o detetive Bill Flecha, pois ela pagará qualquer quantia para tê-la de volta.O que parecia um crime banal dá origem a uma série de crimes violentos. Direção, concepção e manipulação Willian Sieverdt. Duração: 55min .

Público: ADULTO
Ingressos
: R$ 6,00
Comerciários, estudantes e pessoas acima de 60 anos pagam: R$ 3,00

Por que você deve ir?
‘O Incrível Ladrão de Calcinhas’ é uma história baseada no estilo do Cine Noir, das décadas de 40 e 50, onde crime e falta de caráter eram comuns. São 55 minutos de puro divertimento, competência e bom gosto. Um trabalho extremamente bem cuidado, com uma iluminação precisa e toda feita de dentro do cenário. A manipulação dos bonecos é com uma técnica alemã, pouco conhecida no Brasil, de uma precisão impecável. O cenário inspirado no expressionismo alemão - Movimento artístico que contribuiu para o surgimento do Cine Noir - é prático e bem aproveitado. O trabalho de pesquisa de figurinos foi primoroso. A trilha foi composta exclusivamente para a peça e dá todo o clima de suspense às cenas. Enfim, tudo funciona no espetáculo. Encontrei esse texto aqui.

Sexta Feira, 13 de julho no Teatro Hélio Melo às 19h.

Apresentação do espetáculo “Torturas de um coração”, de Ariano Suassuna, direção Paulo Nascimento.Grupo Camalearte, de Rio Branco, elenco: Ivania Jucá, Pedro Saldanha, Saulo Guerra, Paulo Nascimento, Cristiane Costa e Adailton da Silva. (Outra apresentação dia 15 às 15h). Público: Infanto-Juvenil. Segunda apresentação no dia 15, domingo ás 15h.

Público: INFANTO-JUVENIL
Ingressos
: R$ 5,00
Comerciários, estudantes e pessoas acima de 60 anos pagam: R$ 2,50

Cine Clube Aquiry apresenta Canta Maria

CINE CLUBE AQUIRY



Você está convidado para assistir ao filme CANTA MARIA, baseado em romance do escritor sergipano Francisco J.C. Dantas. A história se passa no final dos anos trinta, no nordeste brasileiro e narra os amores de Maria, que perdeu seus pais numa luta fratricida. CANTA MARIA, filme de FRANCISCO RAMALHO JR., tem no elenco JOSÉ WILKER, MARCO RICCA, EDWARD BOGGISS, e VANESSA GIÁCOMO. A Direção de Fotografia é de LÚCIO KODATO, que estará presente na sessão para debate sobre o filme. Lúcio Kodato ministra essa semana Oficina de Fotografia no Curso de Cinema e Vídeo da Usina de Arte João Donato.






O CINE CLUBE AQUIRY tem sessões todas as sextas-feiras, às 19 horas, e exibiu nas últimas semanas: Quanto Vale ou é por Quilo?, Brasília 18%, Nelson Freire, Iracema, Cidadão Kane, Memória para uso Diário, sempre debatidos por cineastas, muitos deles envolvidos na criação do filme.




O quê: CANTA MARIA

Quando: 13/07 (sexta-feira), 19h

Local: Usina de Arte João Donato (Av. das Acácias – n° 1, Distrito Industrial)

Realização: Núcleo de Produção Digital/Usina de Arte João Donato/SEE/FEM

quinta-feira, julho 05, 2007

Semana do Rock - Programação

Vão lá! Vai ser super legal.

Entra nesse site aqui http://www.ac.gov.br que lá vai ter tudo que realmente vocês precisam saber.

Rock Acreano: Válido em Todo Território Nacional

Banda Nicles existe há seis anos e embarca pela segunda vez para shows fora do Acre

As bandas acreanas de rock têm ganhado cada vez mais espaço em festivais de outros estados. A proeza iniciada pela banda Los Porongas é seguida por outros grupos, como Camundogs e Blush Azul, que recentemente tocaram em São Paulo – SP.

Hoje (05), a banda Nicles segue caminho e embarca para shows além das terras acreanas. Na sexta-feira, a banda se apresenta em Palmas – TO, durante o PMW Rock Festival, juntamente com bandas como MQN, Matanza, Cordel de Fogo Encantado, entre outras. No domingo, Nicles é atração da Festa Super Hi Fi, na casa de show Ziigy Box, em Goiânia – GO.

Os integrantes afirmam que a oportunidade é fruto do Festival Varadouro. “Um dos organizadores do festival em Palmas, Gustavo Dantas, nos assistiu durante o Varadouro 2006 e nos convidou para um show em sua cidade”, explica Johnny Ratts, baterista da Nicles. Aproveitando a proximidade entre os estados, o grupo fez contato com a banda Bang Bang Babies, de Goiânia, que conheceram durante o Grito Rock Cuiabá. “Quando tocamos em Cuiabá, conhecemos uma banda de Goiânia e ‘Luti’, um dos administradores da casa onde tocaremos. Eles gostaram da nossa música e articularam o espaço para nos apresentarmos”, conta o músico.
Na opinião do grupo, a visibilidade que as bandas acreanas têm é resultado - além do Festival Varadouro, que acontece desde 2005 - da integração do movimento acreano ao Circuito Fora do Eixo, uma rede de trabalhos que reúne 14 estados, visando ao fortalecimento dos grupos artísticos.

Sobre a banda – O trabalho da banda Nicles teve início há seis anos, no Porão da Tentamen, onde gravaram a primeira demo. O investimento maior do grupo é no trabalho autoral, caracterizado pelo estilo indie rock psicodélico, uma mistura de grunge, alternativo e punk rock. Kilrio Farias (vocal), Wesley Moura (guitarra), Fred Margarido (sintetizador), Johnny Ratts (Bateria) e André Bandeira (contra-baixo) são os integrantes da banda intitulada por um sinônimo de “coisa nenhuma”.

Agenda - Voltando à cidade natal, o grupo tem dois shows marcados: o primeiro, no dia 13, em evento que acontece com mais dez bandas, no Juventus; e dia 15, na Concha Acústica, juntamente com Camundogs, Los Porongas e Dado Villa Lobos. Para a viagem, a banda Nicles tem apoio das Fundações Culturais Garibaldi Brasil e Elias Mansour, Vereador Márcio Batista e Frios Vilhena.

FILOMEDUSA

Outra banda acreana que se prepara para mostrar seu trabalho aos roqueiros de outros estados, é a Filomedusa. O grupo participará do festival “O Casarão”, em Porto Velho – RO, que acontecerá no período de 26 a 28 de julho. O festival rondoniense acontece desde 2000, e já contou com a participação de bandas como Los Porongas, Camundogs, Ludov, Vanguart, Cachorro Grande, entre outras.

Filomedusa é formada há dez meses, por Carol Freitas (vocal), Saulo Machado, mais conhecido como Saulinho (guitarra), Thiago Melo (bateria) e Daniel Zen (contrabaixo). “Será o nosso primeiro show fora do estado, por isso, muito importante para banda. As expectativas são as melhores possíveis, estamos muito ansiosos com a nova experiência de subir num outro palco e tocar para um outro público”, conta Saulinho. Quanto ao estilo, ele descreve: “somos uma banda de rock com influências que vão de Ray Charles a Los Porongas”.

terça-feira, julho 03, 2007

Programação Extra do Cine Clube Aquiry

Para quem está de férias, essa semana na Usina de Artes João Donato, o Cineclube Aquiry trás uma programação de filmes diversos que escolhidos pela Produtora Beth Fotmaggini.

O Cineclube Aquiry vai estar funcionando ás 10:00, 13:00 e 19:00, entrada franca.
Sobre a diretora:
Beth Formaggini (produção) – Diretora dos documentários como "Nobreza Popular", "Walter.doc", "Vida de Criança", "Pontos de Vista", "O Avião" e "Eco-92". Produtora executiva ou pesquisadora de "Peões", "Edifício Master", "Bendito Fruto" e "Babilônia 2000", além das séries "A Linguagem do Cinema", "Índios no Brasil" e "Chatô, Rei do Brasil".



Quarta-feira

O País de São Saruê – Wladmir de Carvalho – 10:00hs

Joaquim Pedro.doc ( Série.doc) – Mario Carneiro - 13:00hs

O fim e o princípio – Eduardo Coutinho – 19:00hs

Quinta-feira

Shomotsi – Valdete pinhanta Asheninka e Yãkwa – O Banquete dos Espíritos – Virginia Valadão 10:00hs

A etnografia da amizade – Ricardo Miranda - 13:00 hs

Peões - Eduardo Coutinho – 19:00hs

Sexta-feira

Primárias – Robert Drew – 10:00hs

Saravá – Pierre Barouch - 13:00hs

Memória para uso diário - Beth Formaggini – Produção Grupo Tortura Nunca Mais & Quatro Ventos - 19:00hs – Cine Clube

Programação no Theatro Hélio Melo

03/07, terça-feira, 19h 30min, Projeto Acústico em Som Maior apresenta show musical Casa Encantada, com Helloy de Castro, João Veras e convidados. (Outras Apresentação 17 e 24 de Julho). Ingressos: Inteira R$ 4,00/Estudante R$ 2,00
04/07, quarta-feira, 19h, Projeto Circuito Documentário apresenta O Segredo , do diretor Drew Heriot, "Documentário que traz depoimentos de escritores, pesquisadores e filósofos que defendem a existência de um segredo milenar, o qual pode ser a chave para o sucesso". Entrada Franca .
05/07, quinta-feira, 19 h, Palestra sobre Legislação e Preservação do Patrimônio Histórico , com Dr. Dalmo Viera Filho, Presidente do IPHAN (Instituto de Patrimônio Histórico e Artístico Nacional) e a Drª Maria Dorotéia de Lima, Superintendente do IPHAN de Belém. Convidados e publico e em geral
06/07, sexta-feira, 19h, Apresentação do espetáculo "Torturas de um coração", de Ariano Suassuna, direção Paulo Nascimento.Grupo Camalearte, elenco: Ivania Jucá, Pedro Saldanha, Saulo Guerra, Paulo Nascimento, Cristiane Costa e Adailton da Silva. ( Outras apresentações e dia 13 às 19horas e dia 15 às 15h). Ingressos: Inteira R$ 5,00/Estudante R$ 2,50

07/07, sábado, 14h, Exibição de animação japonesas (Desenhos). Entrada franca
08/07, domingo, 14h, Exibição de animação japonesas (Desenhos). Entrada franca
08/07, domingo, 17h, Sessão Curumins apresentação de filme infantil. Entrada franca


Atenção: Programação sujeita a alterações; Qualquer mudança com relação a horário e/ou valor de ingressos é de responsabilidade do produtor do evento.

*** Agradecimento à Coordenação do Theatro por ceder gentilmente a programação.

segunda-feira, julho 02, 2007

Acústico em Som Maior

Nesta terça dia 03/07/2007, estréia no projeto musical, Acústico em Som Maior!

A partir das 19:30, no Theatro Hélio Melo o show CASA ENCANTADA com os músicos Helloy de de Castro e João Veras.

Serão três terças-feiras do mês de julho, dias 03, 17 e 24 que o referido show estará em cartaz.

O Helloy fará uma retrospectiva de sucessos da banda Os Alquimistas, que animaram as noites do CASARÃO nas décadas de 80 e 90 e do seu trabalho solo com músicos convidados.


Os ingressos serão vendidos na bilheteria do teatro, antes do show, a preços de R$ 4,00 inteira e 2,00 estudante.

domingo, julho 01, 2007