quarta-feira, janeiro 31, 2007

Marlton no Grito Rock



Grito Rock no Acre, marcado para acontecer no dia 19 de fevereiro traz também bandas que estão despontando no cenário local, como a Marlton, ex-banda Afasia.
Numa noite dessas, via google talk, o Diego Dito vocalista da promissora Marlton me concedeu a entrevista que segue:

A pergunta clichê do momento: por que vocês mudaram de nome?
Além de já existirem outras bandas espalhadas pelo Brasil com nome de Afasia, a formação também está totalmente diferente. As músicas novas e a sonoridade mudaram bastante, questão de influencia e tudo mais...
Juntando tudo isso vimos a necessidade de mudar de nome, pois a identidade já tinha mudado totalmente..


Você fala de influencias, quais são as influencias da Marlton?
Somos 5 caras. Cada um tem suas influências pessoais, mas apenas 2 compõem na banda. Eu e Rodrigo. O Rodrigo tem várias influências do metal. Isso dá um peso nas nossas músicas, uma coisa mais progressiva...
Eu tenho influencias do metal, mas também de rock nacional, principalmente do rock mais atual.
Então a gente joga tudo isso nas nossas músicas, tenta mesclar riffs com terças e notas com oitavadas bem trabalhadas...
As letras, bem tem que ter sentimento, são feitas com sentimento, nunca algo vazio.

Me fala desse processo de produção. Como é isso?
Pra fazer as melodias, a gente usa um programa chamado Guitar Pro. É um programa que simula instrumentos em formato midi. A gente tem a idéia do que fazer e então joga lá no Guitar Pro.
Quanto às letras é coisa de inspiração mesmo. Surge uma idéia, ai sento e escrevo.
Às vezes de uma conversa, às vezes, de historias que estão se passando com a gente ou com pessoas conhecidas.
Rola uma identificação do publico com as letras porque na maioria das vezes são historias que podem acontecer com você, com qualquer outra pessoa.

Me dá um trecho de uma musica...
Você vai dizer/Vai me procurar/Tentar encontrar alguma coisa/Em meu coração/Mas não vai achar/Acho que passou/Você não notou/Quando o meu peito era escuridão/Não quero mais lembrar do tempo em que eu era cego/
Não posso mais sonhar contigo/E se sonho/Eu nego

Como estão os ensaios, quando e onde ?
Bom, bom os ensaios estão indo bem. Na verdade melhor do que o esperado. Estamos ensaiando todas as segundas, quartas e sextas no estúdio do Catraia*. Até o festival Grito Rock estamos na correria, por que queremos mostrar as musicas novas, apenas as novas, então temos que ensaiar bastante pra poder fazer um show “de impressionar”.

A Marlton tem alguma idéia de gravação, de ir pro estúdio em 2007?
Sim, sim! Na verdade estávamos programando gravar 3 músicas no mês que vem. Só que ai entrou o grito rock na nossa agenda.
Íamos voltar aos palcos somente em março, mas como o Grito foi uma coisa muito boa pra gente, então mudamos de idéia. Vamos adiar as gravações pro mês de março. Ou quem sabe até mesmo no final de fevereiro. Tudo depende da empolgação.

E a empolgação pode vir junto com a do publico do Grito Rock?
Com certeza! Esperamos uma aceitação boa, pelo menos, estas são as expectativas! Estamos bem confiantes, as musicas estão bem legais e estamos ensaiando bastante. Madrugadas acordados compondo!
Mas no fim, tudo vale a pena... (rsrs)

Dito, qual idade de vocês?
Entre 16 a 18 anos. Novos ainda. (hehehe)

O que você pensa sobre o circuito fora do eixo?
Ah, é essencial que as bandas rejeitadas-por-antecipação da grande mídia possam se unir em busca de um ideal convergente. Que no caso é poder mostrar seu trabalho para o maior número de pessoas. É mais ou menos o 'unidos venceremos'.


Marlton é Diego Dito ( vocal ), Rodrigo OH (guitarra), André (guitarra), Gênesis (contra-Baixo) e Rafael Rafifi (bateria)


*(estúdio do Selo Fonográfico Acreano Catraia Records em parceria com a Banda Camundogs disponibiliza o espaço a um preço simbólico para que as novas Bandas possam ensaiar)

Um comentário:

  1. Marlton.Rock.Hell.Yeah!

    IUEHiueHIEUh
    isso tá lindo! ;)

    ResponderExcluir